“Bolsonaro é criminoso”, ataca pré-candidato ao governo de Goiás pelo PSOL

Em entrevista à afiliada da TV Cultura em Goiás, o policial rodoviário federal Fabrício Rosa, pré-candidato ao governo do estado pelo PSOL, chamou Jair Bolsonaro de criminoso.

“Bolsonaro é um criminoso. Ele comete crimes de ódio.”

Ele também atacou o Delegado Waldir, que vai tentar a reeleição à Câmara pelo PSL. “Ele é uma extensão das ideias do Bolsonaro.”

Ao falar de Ronaldo Caiado, seu adversário pelo DEM, o psolista afirmou:

“A família Caiado é uma dinastia que monopoliza o estado.”

Postagens mais visitadas deste blog

Avião cai com cantor Gabriel Diniz em Sergipe

Homem morre vítima de afogamento no Rio Potengi em Barcelona/RN nesta quinta-feira (25)