Gilmar e o “coquetel diabólico”

Em entrevista ao jornal português Expresso, o ministro Gilmar Mendes disse o seguinte:

“(A Lava Jato), que atingiu toda a classe política, vai ter repercussão no processo eleitoral de outubro.”

E mais:

Em entrevista ao jornal português Expresso, o ministro Gilmar Mendes disse o seguinte:

“(A Lava Jato), que atingiu toda a classe política, vai ter repercussão no processo eleitoral de outubro.”

E mais:

“Na campanha pontificam de um lado Lula e do outro Bolsonaro, figura que levanta receios do ponto de vista democrático e do Estado de direito. A decisão do STF define a questão da candidatura Lula e terá efeito nas alianças que vão resultar.”

E ainda:

“A crise gerou na população um sentimento de descrença, de procura do ‘Novo’, que ninguém sabe o que é depois deste abalo sísmico. Isto, num quadro eleitoral, é como se o diabo nos tivesse preparado um cocktail.”