Combustível no aeroporto de Brasília acaba e afeta voos

Aviões que necessitarem de abastecimento ficarão em solo até normalização do fornecimento de combustível

BRASÍLIA

O Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, informou que as reservas de combustível se esgotaram na manhã desta sexta-feira (25).

Com isso, aviões que pousarem no terminal aéreo e que necessitem de abastecimento ficarão em solo até o fornecimento de combustível no aeroporto ser normalizado.

A informação é da Inframérica, concessionária que administra o aeroporto. 

Segundo a concessionária, por conta do racionamento de combustível, a companhia aérea American Airlines cancelou de forma preventiva o voo que vinha de Miami e que pousaria no aeroporto de Brasília às 7h35. Com isso, automaticamente, o voo AAL214 que partiria da capital às 21h55 também acabou cancelado.

Além dos voos internacionais, também houve cancelamento nas viagens domésticas. Foram cancelados o voo Gol 1718 (para Teresina), voo Latam 3705 (para Congonhas), voo Azul 2926 (para Guarulhos) e voo Azul 2613 (para Campinas), que sairiam de Brasília.

Outros três voos que pousariam no aeroporto, vindos de São Paulo e Belo Horizonte, também foram cancelados.

De acordo com a Inframerica, estes são os primeiros cancelamentos decorrentes da restrição na oferta de combustível no Aeroporto de Brasília em quatro dias.

Folha Uol

Postagens mais visitadas deste blog

Avião cai com cantor Gabriel Diniz em Sergipe

MUNICÍPIO DE BARCELONA PASSA NA FRENTE E DÁ EXEMPLO DE PREVENÇÃO CONTRA O COVID-19