Ter um iPhone mostra que você é rico, diz pesquisa nos EUA

A Apple é conhecida por sua gama de produtos caros e uma nova pesquisa revelou que possuir um iPhone ou um iPad é um indicativo de que uma pessoa é rica. O novo estudo realizado por dois economistas da Universidade de Chicago, nos EUA, examinou os melhores indicadores para se provar a riqueza de alguém.

Segundo a pesquisa, ter um dos produtos da Apple é um dos principais preditivos de riqueza. “Em todos os anos em nossos dados, nenhuma marca individual é tão preditiva de ser de alta renda quanto ter um iPhone da Apple em 2016”, informaram os pesquisadores.

Conduzindo o estudo no mercado dos EUA, os economistas descobriram que possuir um iPhone dava às pessoas uma chance de 69% de ter uma renda superior à das demais pessoas. Numerosas gerações de iPhone foram levadas em consideração na pesquisa, juntamente com outros produtos.

Vale notar que a avaliação usa dados de 2016. Outros indicadores de riqueza citados na pesquisa incluem possuir um aparelho de TV Samsung (58%) e ter um carro com conectividade Bluetooth (70,2%).

No ano passado, a Apple lançou seu smartphone mais caro, o iPhone X, que nos EUA é vendido por US$ 1 mil, mas no Brasil seu preço pode chegar aos R$ 7,8 mil. Em 1992, o principal indicador para provar que alguém tinha um alto patrimônio líquido era usar a Grey Poupon Dijon, um tipo de mostarda (62,2%).