Pesquisa mostra tendência de segundo turno entre Fátima e Carlos Eduardo

Há chances também de a petista vencer o pleito ainda no primeiro turno, já que a soma de todos os adversários é 36,61%, apenas 0,37% a mais que as intenções de voto nela
José Aldenir / Agora RN Fátima Bezerra (PT) e Carlos Eduardo Alves (PDT), adversários pelo Governo do Estado

Redação

Pesquisa Certus divulgada neste domingo, 23, pela Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern) mostra que, faltando duas semanas para a eleição, Fátima Bezerra (PT) lidera a corrida pelo Governo do Estado com 36,24% das intenções de voto dos potiguares. Confira aqui os números para o Senado.

De acordo com o levantamento, que ouviu 1.410 pessoas entre os dias 14 e 17 de setembro, a petista deverá ir para o segundo turno contra Carlos Eduardo Alves (PDT), que aparece com 21,21%. O terceiro colocado é o governador Robinson Faria (PSD), candidato à reeleição, que tem 10,43%.

Na sequência, aparecem Brenno Queiroga (Solidariedade), com 1,99%; Carlos Alberto Medeiros (PSOL), com 1,91%; Dário Barbosa (PSTU) e Freitas Júnior (Rede), com 0,43% cada; e Heró Bezerra (PRTB), com 0,21% das menções.

A soma de todos os adversários é 36,61%, apenas 0,37% a mais que as intenções de voto em Fátima Bezerra. Logo, há chances também de a petista vencer o pleito ainda no primeiro turno, em 7 de outubro.

De acordo com a pesquisa, 19,65% dos eleitores entrevistados disseram não ter a pretensão de votar em nenhum dos candidatos, enquanto 7,52% estão indecisos.

A pesquisa Certus tem margem de erro de 3% para mais ou menos e grau de confiança de 95%. O levantamento está registrado na Justiça Eleitoral sob os protocolos BR-04034/2018 e RN-07782/2018.

SEGUNDO TURNO
O levantamento Certus/Fiern testou três cenários de segundo turno.

No mais provável, entre Fátima e Carlos Eduardo, a petista venceria o ex-prefeito de Natal por 47,8% a 32,98%, sendo que 14,82% rejeitam os dois e 4,26% estão indecisos.

No cenário 2, com Carlos Eduardo e Robinson, o pedetista derrotaria o atual governador por 51,91% a 19,65%, com 23,83% rejeitando os dois e 4,54% de indecisos.

Por fim, o terceiro cenário apontou um segundo turno entre Fátima e Robinson. O resultado, segundo a pesquisa, seria vitória da senadora por 55,32% contra 18,37% do governador. 21,63% afirmaram não ter pretensão de votar em nenhum, enquanto 4,61% estão indecisos e 0,07% não quiseram responder.

Agora RN