Hospital Municipal de Natal dá alta a paciente que ficou 103 dias internado com Covid

José Nelson Ferreira, de 56 anos e portador de rim único, chegou a ficar entubado por 60 dias. Nesta quarta-feira (5), com quadro de saúde estável, o paciente recebeu alta



Em abril, chegava ao Hospital Municipal de Natal Dr. Newton Azevedo (HMN) o quinto paciente admitido para internamento na capital potiguar com a Covid-19. José Nelson Ferreira, de 56 anos e portador de rim único, foi transferido do Hospital Giselda Trigueiro para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do HMN, onde permaneceu durante 90 dias. Sob cuidados especiais, ele chegou a ficar entubado por 60 dias e há 13 dias apresentou quadro estável, tendo ficado nas duas últimas semanas em observação na enfermaria. Nesta quarta-feira (5), a equipe da unidade concedeu alta, às 16h, após 103 dias de internação.

De acordo com Ana Patrícia Tertuliano, coordenadora da UTI do Hospital Municipal, ele chegou no início da pandemia. “Tivemos mais de 180 pacientes enquanto ele esteve internado aqui. Aprendemos como tratar Covid com ele, pois foi um período super prolongado. Todas as complicações que um paciente pode ter, ele teve: diálise, pneumonia, lesão por pressão. Nunca atendi por tanto tempo um paciente numa UTI. Ele lutou muito e hoje volta pra casa. É um paciente que nos surpreendeu, que quis muito viver”.

O secretário de Saúde de Natal, George Antunes, lembra que o paciente sempre era lembrado nas reuniões com a equipe da unidade. “Quando eu conversava com a equipe médica do Hospital Municipal, perguntava pelo Sr. José Ferreira. Queria saber como ele estava, se havia reagido bem à medicação e recebido alta. Foi um paciente que sempre estava em nossas discussões médicas. Fiquei feliz em saber que hoje ele volta para sua família. Desejo muita saúde”.

“A assistência foi boa, lutaram muito por ele aqui. A equipe de Dra Ana Patrícia, da UTI, aguardava ele reagir aos medicamentos e procedimentos. Todos os dias, a gente recebia notícias no fim da tarde, por telefone; a expectativa era grande, assim como nossa fé. Hoje, ele volta pra casa e vai ter assistência fisioterapêutica, que são sessões caras, mas vamos ter acesso de forma gratuita através do SAD (Serviço de Atenção Domiciliar)”, comenta Ana Helena, aprovando o atendimento prestado pela rede municipal ao seu pai.

O Hospital Municipal Dr. Newton Azevedo possui 24 leitos de UTI e 50 leitos de enfermaria Covid-19. De acordo com os indicadores epidemiológicos da unidade, de abril a julho de 2020, 45,10% dos internamentos foram de pacientes do sexo feminino e 54,90% masculino. Entre as faixas etárias, a maior parte foram usuários de 60 a 79 anos (153), 40 a 59 anos (103), 80+ (46), 20 a 39 anos (32) e 1 ano (1). Destes, 77% ainda apresentaram alguma comorbidade. A média de permanência varia de 9 a 14 dias.